Slideshow image
O Licenciamento de Obras na Câmara Municipal de Serpa já pode ser feito através de E-PAPER (menu lado esquerdo)    ◊    De 2ª a 6ª (12h30 e 17h30), com repetição ao sábado (11h00) TERRA FORTE, na Rádio Voz da Planície (104.5) :: Produção Câmara Municipal de Serpa    ◊    Farmácias de Serviço em abril: 1 a 7 - Farmácia Central :: 8 a 14 - Farmácia Serpa Jardim :: 15 a 21 - Farmácia Central :: 22 a 28 - Farmácia Serpa Jardim :: 29 a 30 - Farmácia Central

 






Turismo do Alentejo, E.R.T.


Associação MODA


 

  CANTE ALENTEJANO CANDIDATO A PATRIMÓNIO IMATERIAL DA HUMANIDADE UNESCO



"Modas Populares do Concelho de Serpa" :: Recolha de Michel Giacometti :: Colaboração de Fernando Lopes-Graça e Rosário Borges Pereira :: Câmara Municipal de Serpa :: Original de 1982 :: Reedição de 2008  

 
Comunicado da Comissão Executiva da Candidatura do Cante Alentejano a Património Cultural Imaterial da Humanidade
Tal como programado, o dossiê de candidatura do Cante Alentejano a Património Cultural Imaterial da Humanidade foi entregue na Comissão Nacional da UNESCO, no passado dia 28 de Março.
Apesar da decisão do Governo de adiar a entrega da candidatura na UNESCO, em Paris, para Março de 2013, assumimos que, agora e mais do que nunca, é necessário demonstrar a força do cante alentejano e tudo o que esta expressão cultural representa para os alentejanos e para a história social e cultural do Alentejo.
O adiamento da entrega da candidatura impõe que o trabalho já realizado tenha continuidade. Consideramos, por isso, que as acções já concretizadas devem prosseguir, sem que haja a tentação de desbaratar a qualidade das peças científicas e culturais produzidas. O trabalho a realizar até Março de 2013 e a partir daí deve ter essencialmente uma perspectiva incremental.
Vamos, pois, continuar este processo, aprofundando o trabalho feito, fomentando ainda mais o envolvimento de todos e continuando a demonstrar que o cante alentejano reúne todas as condições para obter o reconhecimento da UNESCO e integrar a Lista Representativa do Património Cultural Imaterial da Humanidade.
Reafirmamos que este trabalho tem que continuar a ser feito por todos – grupos, autarquias, instituições e pessoas singulares – porque o que nos deve unir é um objectivo comum: a salvaguarda do cante alentejano.
O apoio já declarado pela grande maioria dos grupos corais em actividade e dos municípios e freguesias em que eles estão sediados leva-nos a ter a certeza de que estamos certos e todos do mesmo lado.
O trabalho até agora concretizado contribui inequivocamente para estratégia de salvaguarda do Cante, objectivo fundamental que nos une. Deram-se passos fundamentais, como o primeiro pedido de inscrição do cante alentejano no Inventário Nacional do Património Imaterial, foram feitos novos estudos e recolhas documentais, filmes, reportagens fotográficas e um conjunto de outras acções de que sairá beneficiado não apenas o cante e os seus interpretes mas todo o Alentejo, a sua cultura e a sua gente.
A Comissão Executiva agradece a todos os que manifestaram o seu apoio e que expressaram, das mais diversas formas, a sua cooperação e boa vontade, nomeadamente os municípios e freguesias que assinaram declarações de apoio, as associações e Casas do Alentejo, os 1727 amigos do Cante que também enviaram declarações de apoio à candidatura, com um muito especial agradecimento a todos os grupos de cante alentejano, porque é através deles que o cante vive, se mantém e vai continuar nas próximas gerações.
Por fim, a Comissão Executiva agradece às diversas instituições que connosco desenvolveram protocolos, bem como o trabalho feito pela equipe técnica, agradecendo, ainda, aos membros da Comissão Científica que contribuíram para que a candidatura fosse apresentada à Comissão Nacional de UNESCO.
Um último agradecimento é devido a Sua Excelência, o Presidente da República, que desde a primeira hora soube compreender e apoiar as nossas intenções e anseios.
 
Notícias

Dia 3 de março - Encontro “Municípios pelo Cante” (ver aqui)
Primeiro encontro de Grupo Corais, na Casa do Alentejo, Lisboa (ver notícia aqui)
A candidatura do Cante Alentejano a Património Cultural Imaterial da Humanidade da UNESCO será entregue na sede da organização a 30 de Março de 2012 pela Confraria do Cante Alentejano, entidade promotora da candidatura, à qual se associaram a Casa do Alentejo e a Associação MODA, como copromotoras.
A Câmara Municipal de Serpa e a Turismo do Alentejo, E.R.T. são os patrocinadores da candidatura que nasceu de um desafio lançado pelo embaixador Fernando Andresen Guimarães, ex-Presidente da Comissão Nacional da UNESCO, ao Presidente da Câmara Municipal de Serpa, João Rocha, quando da preparação da candidatura de Serpa à Rede de Cidades Criativas da UNESCO.
A Comissão de Honra é presidida pelo Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva. Integram ainda a mesma comissão, Pedro Passos Coelho, Primeiro-Ministro; D. Manuel Clemente, Bispo do Porto e Presidente da Comissão Episcopal da Cultura, Bens Culturais e Comunicações Sociais; Rui Vilar, Presidente do Conselho de Administração da Fundação Calouste Gulbenkian; Rui Nabeiro, Presidente do Grupo Nabeiro / Delta Cafés; João Rocha, Presidente da Câmara Municipal de Serpa e António Ceia da Silva, Presidente da Direção da Turismo do Alentejo, Entidade Regional de Turismo.
Rui Vieira Nery lidera a Comissão Científica da candidatura e a Comissão Executiva é presidida por Carlos Laranjo Medeiros.
A candidatura do Cante Alentejano a Património Cultural Imaterial da Humanidade parte do envolvimento das comunidades, dos grupos e dos indivíduos na salvaguarda do seu próprio património cultural imaterial.
A Câmara Municipal de Serpa está a dinamizar o apoio e o envolvimento de todos os municípios em que existem grupos de cante alentejano.
Pelo seu lado, a Casa do Alentejo está a recolher o apoio das Casas do Alentejo e outras associações de alentejanos existentes no País e na diáspora e a Confraria do Cante Alentejano e a Associação MODA estão a dinamizar o apoio dos grupos corais.
No contexto da candidatura, serão realizados diversos trabalhos como a recolha e estudo do cancioneiro e da discografia do Cante Alentejano, a inventariação e caracterização dos grupos corais e uma compilação ilustrada de histórias de vida de cantadores e de grupos corais.
O programa de promoção e divulgação da candidatura incluirá um filme documental do realizador Sérgio Tréfaut, bem como exposições, conferências, concursos fotográficos, concertos e manifestações de rua.
 
 
  CÂMARA MUNICIPAL DE SERPA
Praça da República, 7830-389 SERPA | Tel.: ....284 540 100 Fax: 284 544 721 | e-mail:geral@cm-serpa.pt
------------------ || ------------------
 
  2017©Município de Serpa | webdesign: jarmando  
  Ultima actualização em: 26-04-2017 15:57:19