Slideshow image
O Licenciamento de Obras na Câmara Municipal de Serpa já pode ser feito através de E-PAPER (menu lado esquerdo)    ◊    De 2ª a 6ª (12h30 e 17h30), com repetição ao sábado (11h00) TERRA FORTE, na Rádio Voz da Planície (104.5) :: Produção Câmara Municipal de Serpa    ◊    Farmácias de Serviço em abril: 1 a 7 - Farmácia Central :: 8 a 14 - Farmácia Serpa Jardim :: 15 a 21 - Farmácia Central :: 22 a 28 - Farmácia Serpa Jardim :: 29 a 30 - Farmácia Central
 

Câmara Muncipal > Heráldica

ARMAS 
Escudo de azul, com um castelo lavrado de prata, aberto e iluminado de negro sobre uma serpe alada de prata, realçada de negro. Coroa mural de prata de quatro torres. Listel branco com os dizeres " notável vila de serpa " a negro.

BANDEIRA
Esquartelada de branco e de preto. Cordões e borlas de prata e de negro. Haste e lança douradas. Selo: circular, tendo ao centro as peças das armas, sem indicação de esmaltes. Em volta, dentro de círculos concêntricos, os dizeres "CÂMARA MUNICIPAL DE SERPA".

Parecer da Comissão de Heráldica e Genealogia da Associação dos Arqueólogos Portugueses   
"Parecer apresentado por Afonso de Dornelas à Comissão de Heráldica e Genealogia dos Arqueólogos Portugueses em 1940 e aprovado definitivamente pela mesma em sessão de 3 de dezembro de 1947: Desejando a Câmara Municipal de Serpa regularizar a sua simbologia, assim o solicitou, pelo que se fez a necessária investigação, conforme resumidamente passo a descrever:
No ‘Tesouro da Nobreza de Portugal' de Francisco Coelho, Rei de Armas da Índia, existente na Torre do Tombo, iluminado no século XVII, as Armas de Serpa têm um castelo. Na ‘Arte de Armaria e Brasões de Cidades e Vilas de Portugal', códice iluminado n.º 498 da Biblioteca Pública Municipal do Porto, as armas de Serpa têm uma serpente alada. Depois, nos trabalhos de heráldica publicados, e que se referem à simbologia de domínio, no que respeita a Serpa, uns apresentam o castelo, outros a serpe.  
  
Como geralmente sucede em muitas terras portuguesas, também em Serpa existem esculpidas as armas de Portugal e por baixo, sem qualquer indicação de escudo ou bandeira, aparece a peça heráldica que simboliza a vila ou cidade. Ali aparece uma serpe. Isto não quer, porém, dizer que as armas nacionais façam parte das armas do concelho. Actualmente, a Câmara de Serpa usa as armas reais timbradas por uma serpe alada, como em Portugal se usou durante muitos anos desde D. João I. Ora, as Câmaras Municipais não podem usar as armas nacionais, porque estas constituem o selo do Estado. A heráldica de domínio é para o povo compreender, portanto, deve referir-se à região que caracteriza. Serpa teve o seu castelo, devendo pois esta peça heráldica figurar nas armas. Neste caso também as armas podem ser falantes, incluindo-se-lhe uma serpe (...)" in João Cabral, Brasões de Serpa , Ed.Câmara Municipal de Serpa, 1973, pp.23 e 24.
O parecer da Comissão de Heráldica e Genealogia dos Arqueólogos Portugueses foi publicado no Diário do Governo, II série, de 3 de Fevereiro de 1948.

Elevação da vila de Serpa à categoria de cidade: Lei n.º 71/2003, de 26 de Agosto
 
 
 
 
 

 
  CÂMARA MUNICIPAL DE SERPA
Praça da República, 7830-389 SERPA | Tel.: ....284 540 100 Fax: 284 544 721 | e-mail:geral@cm-serpa.pt
------------------ || ------------------
 
  2017©Município de Serpa | webdesign: jarmando  
  Ultima actualização em: 21-04-2017 16:00:43